Toda a cidade de São Paulo está em Estado de Atenção, por causa da chuva

Uma frente fria chegou e para ficar em São Paulo. Desde a madrugada nuvens carregadas atuam no interior paulista e provocam chuva forte. Em Ribeirão Preto-SP o acumulado nas últimas 24 horas chega a 79,5mm, segundo dados do IAC (Instituto Agronômico). Essa foi a maior chuva do Estado nesta terça-feira e o maior volume do ano, registrado em apenas um dia na cidade. Por causa do temporal, árvores caíram e interromperam o fornecimento de energia e seis casas na região norte do município foram invadidas pela água.

Outras cidades paulista também enfrentam chuva forte hoje, é o caso de Paulo de Faria-SP, onde já choveu 65mm e Pedrinhas Paulista-SP, com acumulado de 42mm, também de acordo o IAC. Nos dois casos os volumes correspondem a 30% da média de chuva esperada para todo o mês de dezembro. Já segundo as estações meteorológicas do INMET, a maior chuva até agora no Estado aconteceu em Ibitinga-SP, com 48mm.

Na capital paulista o volume de chuva não passa dos 5mm no Mirante de Santana, Zona Norte da cidade, mas como a precipitação deve ser constante e mais intensa nas próximas horas, a Prefeitura de São Paulo colocou toda a cidade em Estado de Atenção para deslizamentos, alagamentos e transbordamentos de rios. Os meteorologistas da Somar alertam para chuva forte e com longa duração na Região Metropolitana, com potencial para alagamentos intransitáveis a partir do início da tarde.

Na quarta-feira, a presença de uma frente fria no Sudeste do país, associada com um canal de umidade vindo da região Amazônica, favorecem a ocorrência de temporais em pontos isolados do Estado paulista, principalmente com elevados acumulados de chuva na divisa com Minas Gerais e no Vale do Paraíba. Por conta da grande cobertura de nuvens, as temperaturas ficam mais amenas na maior parte das regiões e apenas na faixa norte é que a sensação de abafamento ainda predomina.

Na cidade de São Paulo-SP o dia será nublado, alternado com pancadas de chuva. Porém, vale destacar que as precipitações perdem intensidade ao longo da quarta-feira na capital paulista, mas ainda há risco para alguns transtornos, já que solo estará encharcado. Por conta dos ventos que sopram de sul, as temperaturas não sobem muito e a máxima amanhã não passa dos 23°C.

Publicado por terreirorocadeobalue

Pai José filho de Obaluaê, nasceu na Bahia em 08/03/1935 e hoje esta com 76 anos sendo 69 deles de feitura no Santo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: